Cota para baixinhos

Outro dia, trecho de um artigo do Hélio Schwartsman, na Folha, mexeu com minha percepção e me deixou preocupado. Acompanhe: “Embora não exista uma história conhecida de perseguição e opressão contra pessoas de baixa estatura, esse grupo, a crer em…
Leia mais

And so this is Christmas…

Este ano, com ou sem a anuência do mestre de cerimônias corona, teremos Natal em 25 de dezembro. Não vai ser uma pandemia a acabar com uma festa que dura mais de dois mil anos. Ainda que Papai Noel só…
Leia mais

Preso da caixa

Sinto, mas não vejo. Como o vento, o perfume das flores. Vejo, mas não posso tocar. Como o Universo, quando olho para o alto. Segundo alguns estudiosos de cosmologia, como Os Observadores do Universo, o céu só existe porque olhamos…
Leia mais

Será?

Se é verdade que depois da tempestade vem a ambulância, 2021 deve ser o ano da redenção. Depois do que passamos em 2020 – ou ainda estamos passando, já que esta joça ainda tem mais de um mês pela frente…
Leia mais

Quem faz o que quer…

As pessoas merecem respeito –  ou desrespeito – não importa o seu status. Quem nunca teve vontade de mandar o chefe, uma autoridade ou o garçom do boteco catar coquinho? O garçom, acredito que muitos já mandaram. Agora, o chefe…
Leia mais

Se está na internet é porque é verdade

Fiquei sabendo por um desses aplicativos que vicejam no Facebook que vou viver até os 127 anos. O algoritmo até definiu a exata data de minha morte – 20 de maio de 2083 – e quais serão minhas últimas palavras:…
Leia mais

Morrer dormindo

Dos jornais: “Sean Connery morreu enquanto dormia.” Portanto, sem sofrimento. É por aí: não tenho nenhuma pesquisa que confirme esse dado, mas creio que a maioria de nós gostaria de morrer assim: dormindo. Alheio ao que seria a transposição ao…
Leia mais

A procura do sumido

Já vivi muitas vidas numa vida só. Corri atrás do passado. Vi o futuro avistar minha porta. Um dia o novo vai vingar. Sou pronto. A vida provocou tal situação. Não posso duvidar. Procuro o sol. Caio na água quando…
Leia mais

Apelidos

Minha amiga Camila postou no Instagram uma foto com sua gata e chamou-a de “dona Chacrona debochada…” Estranhei e perguntei: “O nome dela não era Craco?” Camila confirmou, mas ressalvou: “Chacrona é o apelido.” Fiquei pensando: por que a gente…
Leia mais

Todas as vidas importam

Há anos, procuro a alma dos mais amados, sumidos no mundo pós-vida: vovó Cora, papai Rúbio, tios, primos, amigos. Sinto a aura, mas não consigo tocá-los.  Histórias antigas passam por mim, como a luz do sol. Dão calor, a cada…
Leia mais