fbpx

O dia em que o cão Miguel Jackson enlouqueceu

Era um cachorro tranquilo, sossegado. Às vezes sossegado até demais, chegando a ser folgado! Daqueles que chegam em uma reunião canina e vão logo mudando a pauta, para tratar de assuntos de seu interesse. E, quando algum cachorro lhe pergunta…
Leia mais

Vira a seis, acaba a doze

A ideia, se não me engano, partiu do humorista Tutty Vasques há algum tempo, mas eu acho que todos devemos assinar embaixo: por que a duração de uma partida de futebol não pode ser condicionada ao placar – como no…
Leia mais

Que baita surpresa!

Ele era um cara normal, apesar de um pouco metódico. Morava em uma casa confortável, tinha uma vida igualmente confortável, sem luxos. Os filhos estudavam em escola particular e seu carro um modelo intermediário, mas topo de linha, com ar,…
Leia mais

Eterno enquanto dure

 Ninguém nasce achando que vai viver para sempre. Ninguém sai da maternidade, passa no guichê e pega seu certificado de vida eterna. O máximo que se consegue é um bônus, que lhe garante alguns anos a mais que alguns outros.…
Leia mais

E num é que a Zizzoca sumiu?

Passa da hora do almoço. Deu praia nesta manhã de sábado, mas agora nuvens escuras rondam o Rio de Janeiro. Deve chover daqui a pouco. O bar do português da orla ferve. Augusto, um pouco mais acelerado que os demais…
Leia mais

Gafanhotos

Falam em quarenta milhões de gafanhotos prestes a invadir o Rio Grande Sul – como fizeram as tropas do general Estigarribia, em 1865 – e eu fico pensando como certas espécies conseguem ser tão gregárias. Claro que um objetivo comum ajuda,…
Leia mais

E o Aparício desapareceu

Na mineira Jatiara, não se fala em outra coisa. Todo ano, toda festa junina ou julina, é sempre a mesma história, a mesma lembrança, o tema de todas as rodas. Aparício, o escrevente do cartório, que namorava escondido Suzy, a…
Leia mais

Pavê ou pacomê?

Acho que a piadinha besta mais conhecida e mais reproduzida nos almoços em família, festas ou comemorações diversas, e ao mesmo tempo a mais execrada, é essa da sobremesa feita com a sobreposição de bolachas e camadas de creme. Parece…
Leia mais

Nosso bandido de estimação

O ex-prefeito ficou seis anos sem aparecer na cidade. E, quando chegou foi recebido com festa, fogos de artifício, carreata e o escambau. Ao povo que o acolheu de braços abertos, não fazia diferença que ele estivesse distante esses seis…
Leia mais

Até que o carnaval os separe

Tinha tudo para dar certo aquele casamento. Tinha. Ele de leão, ela de sagitário. Conjunturas astrológicas às favas, eram carne e unha os dois; bem pra cá, bem pra lá, coisa de dar inveja no clube, no condomínio, entre os…
Leia mais