Categoria Crônicas

Cala a boca, animal!

Seu Joênio, meu vizinho aqui em Florianópolis, tinha um cachorro que era mais ardido que uma colher cheia de carolina reaper curtida no vinagre de álcool: latia o dia inteiro, com direito a hora extra e adicional noturno, e tinha a estranha…

Encorujado e tremelicante

Em Bom Jardim da Serra, Santa Catarina, fez oito graus abaixo de zero e nevou pra caramba! A cidade se encheu de gente, mesmo com os apelos dos prefeitos das cidades da Serra Catarinense para que a turistada evitasse a…

Vira a seis, acaba a doze

A ideia, se não me engano, partiu do humorista Tutty Vasques há algum tempo, mas eu acho que todos devemos assinar embaixo: por que a duração de uma partida de futebol não pode ser condicionada ao placar – como no…

Eterno enquanto dure

 Ninguém nasce achando que vai viver para sempre. Ninguém sai da maternidade, passa no guichê e pega seu certificado de vida eterna. O máximo que se consegue é um bônus, que lhe garante alguns anos a mais que alguns outros.…

E num é que a Zizzoca sumiu?

Passa da hora do almoço. Deu praia nesta manhã de sábado, mas agora nuvens escuras rondam o Rio de Janeiro. Deve chover daqui a pouco. O bar do português da orla ferve. Augusto, um pouco mais acelerado que os demais…

Gafanhotos

Falam em quarenta milhões de gafanhotos prestes a invadir o Rio Grande Sul – como fizeram as tropas do general Estigarribia, em 1865 – e eu fico pensando como certas espécies conseguem ser tão gregárias. Claro que um objetivo comum ajuda,…

Pavê ou pacomê?

Acho que a piadinha besta mais conhecida e mais reproduzida nos almoços em família, festas ou comemorações diversas, e ao mesmo tempo a mais execrada, é essa da sobremesa feita com a sobreposição de bolachas e camadas de creme. Parece…

Nosso bandido de estimação

O ex-prefeito ficou seis anos sem aparecer na cidade. E, quando chegou foi recebido com festa, fogos de artifício, carreata e o escambau. Ao povo que o acolheu de braços abertos, não fazia diferença que ele estivesse distante esses seis…

Até que o carnaval os separe

Tinha tudo para dar certo aquele casamento. Tinha. Ele de leão, ela de sagitário. Conjunturas astrológicas às favas, eram carne e unha os dois; bem pra cá, bem pra lá, coisa de dar inveja no clube, no condomínio, entre os…

Assim caminhava a humanidade

Tem dia que parece noite. E tem noite que nunca acaba. Principalmente quando se está trancado em casa, num dia chuvoso, escuro, depressivo. Vendo a alegria, que os raios de sol poderiam proporcionar de manhã, saudando nosso dia, ser levada…