Encha sua bola

Todos nós passamos por várias fases em nossas vidas.Nascemos, crescemos, vivemos a infância descomprometida, cheia de experiências boas e eventualmente ruins, que vão formar nosso caráter e geralmente definir nosso futuro.Por vezes felizes ou retraídos enfrentando chuvas e trovoadas. “Todo…

Leia mais

Botamos os russos na roda, de novo

Todo mundo já ouviu falar que futebol é uma caixinha de surpresas; é matemático, 11 contra 11; é ligado ao marketing, idem; à publicidade… hum, pode ser. Falo isso, a propósito de um embate futebolístico de que participei na França,…

Leia mais

O pequeno visionário

Eu tinha bem uns seis anos de idade quando pedi um brinquedo diferente para minha mãe. Queria um boneco de cowboy que não fosse igual a todos aqueles que eu conhecera até então. Já não me bastava, em minha idade…

Leia mais

Quem nunca?

Tietar pessoas famosas e até mesmo políticos nunca foi minha praia. Claro que admiro muita gente. Só que nunca fui de correr atrás, tirar foto, pegar um pedaço da roupa, autógrafo, essas coisas de fãs. Entrevistei e até tive oportunidade…

Leia mais

Sementes

Ouço um barulho no quarto como se alguém jogasse pela janela pequenas pedras, ou grãos de feijão, que rolam pelo chão. É arte da árvore pata de vaca do prédio vizinho. As vagens carregadas de sementes explodem e a planta…

Leia mais

A turma que (não) escreve direito

Verdades, clichês, manias e birras com a imprensa “O corpo dele foi enterrado”. (Quem imaginaria que enterraram o cara vivo?) Livros voltados para crianças, mensagem voltada para o público adulto. (Parem com pedantismo e mandem pros ares esse “para”). “Confissões” são sempre…

Leia mais

Despedida em 280 toques

Não sei por que o carro parou, eu disse. A gente ia de Florianópolis a Criciúma sem escalas. Via Expressa, BR-101, duas horas de viagem. Não tinha previsão de parada. E de repente ele parou no acostamento da Via Expressa.…

Leia mais

Eu verde, eles amarelam

Lá pelos meus nove, dez, durante as aulas de história do primário, ouvia extasiado as explicações dos professores de que o verde e o amarelo de nossa bandeira remetiam, respectivamente, o primeiro às nossas matas e o segundo às riquezas…

Leia mais

Homenagem ou ultraje?

Cora Coralina, Carlos Drummond de Andrade, Clarice Lispector, Jorge Amado e tantos outros escritores e artistas já tiveram os nomes dados a escolas, bibliotecas, ruas, avenidas, praças. Recentemente, vimos Niterói homenagear seu filho ilustre, Paulo Gustavo, mudando o nome de…

Leia mais

O dia em que ganhamos o Peru

Enquanto o sujeito aboletado na cadeira presidencial em Brasília, diante da vitória do professor Pedro Castillo sobre Keiko Fujimori, lamenta que “Perdemos o Peru”, eu retorno ao início dos anos 1990, quando estive naquele país, então presidido por Alberto Fujimori,…

Leia mais

Dez anos sem ele

No começo de junho, a morte do jornalista – mais que isso, amigo – José Luiz Lima completou dez anos. Em abril ele teria feito setenta, e morreu de um infarto fulminante dois meses depois de vangloriar-se por ser o…

Leia mais

Perseguindo o tempo

Só agora me lembrei que esqueci de fazer um montão de coisas lá atrás, no espaço-tempo chamado passado. Passou, mas, não me sai da cabeça o que eu poderia ter feito, vivido, conquistado, rido ou chorado. Muita coisa ficou no…

Leia mais